O que nos inspira.

É pedir demais querer ter uma vida de um romance água com açúcar? Eu sempre tento apurar meu gosto músical, literário e cinematográfico. Olhos a lista dos “10 mais”, procuro por blogs cults, e tento assistir filmes independentes franceses periodicamente, mas tenho que confessar que cedo a “facilidade” muitas vezes. Tem momentos que eu só quero me identificar com um personagem e me entregar a uma história batida, que provavelmente já sei o final. (Vai ter uma mocinha meio atrapalhada ou mal sucedida, mas muito persistente, que encontra dificuldades no meio do caminho e com um impulso da vida, piadas programadas e amigos vida louca, que são uma versão mais cômica da personagem principal, consegue no final tudo o que quer.)

Muitas dessas histórias me fazem querer recomeçar e me reinventar e é sobre isso o post de hoje. Ano novo pede coisas novas, ou pelo menos o sentimento de esperança, de busca por algo melhor.

2014 sem dúvida foi um ano que vai ficar na minha memória para sempre. Primeira viagem internacional, sair da casa dos pais, trabalhar como uma louca.. enfim. Mas eu sinto que 2014 só estava me preparando para o que será 2015, e cara, eu tenho certeza que vai ser um ano incrível. Meu corpo sente isso. Quando eu penso, o sangue corre mais rápido, um sorriso aparece, as mãos e pés começam a ter espasmos, e tudo isso porque eu tenho ânsia pelo novo.

Tudo pode dar errado? Pode, e provavelmente, muito do que eu planejo vai dar errado.

Mas não existe nada mais instigaste do que a busca, e mais honesto do que um tropeço no meio do caminho que você está percorrendo. É como o medo de dizer “Eu te amo” e ainda assim, dizer.. É se arriscar e estar de braços abertos para receber o beijo mais romântico e mais quente da sua vida, ou um “Sai daqui”, ficar triste, mas saber que ainda vai ter aquela amiga batendo na sua porta com um pote de sorvete, e a senha do NETFLIX. Então hoje eu vou fazer a minha setlist das músicas, filmes e livros que me inspiram a arriscar e ir em frente!

Open your eyes – Snow Patrol

Não necessariamente músicas animadas me colocam pra cima, essa música é um exemplo. Uma das minhas favoritas de todos os tempos. Quando eu escuto essa música sinto que meu coração vai aumentando o ritmo junto com ela, vai passando de um ” Ahh bonitinha..” pra um “Posso conquistar o mundo! MUAHAHAH” A música mesmo tendo um titulo que pode indicar continuidade e avanço, vai mais pro lado romântico mesmo, mas o que é melhor que o amor para nos impulsionar?

Diário de Bridget Jones

Mesmo o titulo sendo mais conhecido pelo filme, essa história é inspirada em um livro de Helen Fielding que posso dizer que é um dos meus favoritos. Aí você me pergunta, como a vida de uma jornalista, gorda, viciada em cigarros e bebidas pode ser estimulante? Porque essa sou eu! É legal poder imaginar que eu, em todos os meus erros, posso no final encontrar o emprego dos meus sonhos, me divertir muito com o cara errado e depois encontrar o amor nos braços de Mrs. Darcy.

livros_diaria_bridget_jones_borboletas_na_carteira

Sia – Chandelier

Preciso explicar? Se não bastasse a coreografia INCRÍVEL desse clipe, capaz de fazer voce levantar a bunda da cadeira e se forçar a fazer algum exercício, a letra é bem inspiradora para uma sexta-feira a noite depois de uma semana não tão boa assim.. Vamos subir nos lustres, viver como se não houvesse amanha e engolir tudo até perder a conta! Quem nunca teve uma semana terrível, e precisou de um estimulo para jogar tudo pro alto e ir se divertir como nunca?! Quem nunca, que atire a primeira pedra.

Big fish

Porque todos precisam de um pouco de fantasia na vida real. Um filme lindo, e que me fez chorar e rir ao mesmo tempo. Além do final ser incrível, retrata a morte como um grande ultimo ato, um grande ultimo momento para reviver as coisas e pessoas  incríveis que voce encontrou durante a jornada. Emocionante, tocante e inspirador! SUPER RECOMENDO!

Johnny Cash – She used to love me a lot

Adoro músicas com histórias, e uma história contado pela voz de Johnny Cash deve ser ouvida! Quem nunca gostou de uma reviravolta? Como diria uma pensadora moderna da minha terra “O mundo gira, o mundo é uma bola”. E é por isso que eu amo essa música! para inspirar os momentos de dizer adeus a um grande amor e abrir a porta para os novos!

E é isso! Se voces tem outras dicas, ou simplesmente gostaram das minhas é só deixar um recadinho! Até mais minhas belezas!

Colombia e o que eu carrego: Parte 1 Cartagena

Quem acompanha o blog sabe que fiz um mochilão no final desse ano. Não sabia? Que viagem é essa? OLHA aqui.

Viajei por em média vinte e três dias, e meus destinos foram Cartagena, Santa Marta, Barranquilla, Medellin e por ultimo Quito no Equador. Muitas fotos foram postadas na própria viagem pela minha conta pessoal do instagram, mas muitas coisas eu guardei especialmente para vocês. Esse post será dividido entre três partes (Acredito eu.), já que euquero explicar bem direitinho tudo o que vi, preços, e formas de fazer essa mesma viagem. Quem sabe vocês  não se animam? *-*

Bem, vamos começar por Cartagena ( Caaaaartagena Cartageeeena, voooooocÊ é meu bem quereeeer (8) ) Desculpem, piada interna. 

A viagem para Cartagena começou no dia 16 de fevereiro e fui pela companhia Viva Colombia, a MELHOR forma de viajar pela Colombia. (Barato, e voce faz a compra online, assim não precisa se preocupar se estão te cobrando mais por voce ser turista .. ACONTECE MUITO.) O link segue AQUI.

O meu voo para Cartagena em alta temporada custou 120 mil pesos, (Façam a conversão pra reais vocês mesmos, ok? É um preço bem razoável em reais, não se preocupem.) Por sorte consegui uma hospedagem de graça, mas os hostels estão entre 25 a 35 mil pesos.

Pode-se dizer que Cartagena é dividido em três partes, Boca Grande, Ciudad Murallada e a REAL Cartagena.

Fiquei hospedada em uma parte da cidade que seria a “Real” pois não é turística e nem nada, e aliás MUITO longe, em média 1hr/1hr30m para chegar na Ciudad Murallada, que era a minha favorita. A parte “Real” de Cartagena seria a parte, talvez, mais pobre e onde fica o comércio livre e o transito é caótico. O sistema de transporte é uma verdadeira loucura e no calor que faz, tudo isso ganha um sabor todo especial. Ciudad Murallada é onde fica o centro histórico e as casas coloniais. Se chama assim porque é literalmente um lugar cercado por muralhas, mas seria melhor dizer um bairro. São em média 13 km de muralhas que separam esse bairro incrível de um mar mais incrível ainda. Fui dois dias para esse lugar pois além de ser lindo, é realmente grande,

A Muralha faz divisa com uma das principais vias para Boca Grande, Av. Satander.

A Muralha faz divisa com uma das principais vias para Boca Grande, Av. Satander.

10928552_773046226107827_1875561779_n

A muralha tem livre acesso para todos os turístas 24hrs por dia, mas CUIDADO com os vendedores ambulates, lá tem MUITOS.

UM LUGAR QUE NÃO PODE DEIXAR DE IR?

Café del Mar!

É um bar que fica em cima da muralha e abre as portas as 17:00 da tarde, é caríssimo, mas garante o melhor por do sol de Cartagena e ainda conta com música ao vivo.

Tirei a foto no Café del Mar, e saí quando vi quanto custava uma cerveja.

Tirei a foto no Café del Mar, e saí quando vi quanto custava uma cerveja.

Dica: Se voce nao tiver dinheiro para consumir no bar, existem vendedores ambulantes que ficam envolta do restaurante e tem produtos por menos da metade do preço. Aproveite a música e o por do sol, e não deixe de economizar. 😉IMG_20141219_180709

Claro que outros pontos legais para visitar são, La torre del relógio, Casa de los dulces, Estátua de Botero e quem sabe, até o Hard Rock Café. Vale muito a pena ir para essa parte da cidade.

10937770_773046252774491_542152458_n10937788_773046086107841_1385130247_n10939458_773046119441171_802606002_oIMG_20141219_150846 10874128_773046196107830_146072248_o

Por ultimo nós temos Boca Grande, também conhecida como Miami Colombiana, é a parte mais rica e onde fica o foco do ramo hoteleiro de Cartagena. Se voce procura luxo e ostentação, já sabe qual é o seu lugar em Cartagena.

IMG_20141219_155238

Essa parte aí atrás.

Se estamos em Cartagena, a única coisa que se pensa é CARIBE! PRAIAS! Cartagena em sí não tem muitas praia incríveis, mas de lá saem lanchas para as melhores praias e tenho que assumir, uma das mais incríveis que já vi! Lhes apresento PLAYA BLANCA senhoras e senhores:

IMG_20141218_101034 IMG_20141218_101605 IMG_20141218_102322 IMG_20141218_124146 IMG_20141218_135023 IMG_20141218_151046

Playa Blanca fica a 40 ou 45 minutos do porto de Cartagena, e são feitas excursões todos os dias. Em média os pacotes custam 63 mil pesos, que contam com um passeio pelas “Islas de Rosario” e um almoço típico costenho. Se voce estiver em busca de uma forma mais barata de ir a ilha, existe outra alternativa, a de ir por terra, custa em média 20 mil pesos ida e volta. (Mas se você estiver indo pela primeira vez, te digo que vale a pena o passeio de lancha, as Islas de rosário são realmente um show a parte.)

Minha ida a Cartagena com certeza foi uma das partes mais mágicas da minha viagem, é uma cidade de sonhos e de pessoas amáveis. Chivas, Mariachis, Bucetas (Onibus pequenos, gentxe) e massagens no pé. Lanchas, tranças e comidas. Arte, música e calor. Cartagena, um dia a gente se encontra novamente! 😉

Fernando Botero e seus volumes

Olá Belezuras! Pesquisando curiosidades sobre a Colombia, encontrei um Pintor e escultor chamado Fernando Botero, o mesmo é conhecido internacionalmente por suas obras em que representa mulheres gordas. Na própria Colombia existem muitos lugares onde suas obras são expostas, como em Cartagena e Medellín, onde vocÊ pode ver respectivamente nas fotos a baixo.txbsczyh-1351861628-bgimages-6 Mas o que muitos não sabem, é que Botero não usa o seu trabalho como uma forma de incentivo a obesidade, nem como um incentivo para a desmistificação dos padrões de beleza, e muito menos porque tem um desejo pelas as mulheres gordinhas. Fernando Botero já foi casado três vezes e todas eram magras, inclusive, sua esposa Atual, a artista grega Sophia Vari, mede 1,75 metros e pesa 55 quilos.

Fernando+Botero+Sophia+Vari+Bal+De+La+Rose+FCrbGrwFwG7l

Mas então, porque Botero utiliza de gordas em suas obras, afinal?

Fernando-Botero

O artista de 81 anos já afirmou em entrevistas que as mulheres pintadas por ele não são gordas, mas “volumosas”.

– Não pinto gordas. Ninguém acredita em mim, mas é verdade. Eu pinto volumes. Quando pinto uma natureza morta também pinto com volume, se pinto um animal ele também será volumoso, se pinto uma paisagem, igual – afirmou o colombiano ao jornal espanhol El Mundo.

– Sou atraído pelo volume, a sensualidade da forma. Se pinto uma mulher, um homem, um cachorro ou um cavalo, o faço sempre com a ideia do volume, mas não é que eu tenha uma obsessão pelas mulheres gordas – disse.

– A arte pré-colombiana, por exemplo, é disforme e bela. E ao contrário: se alguém pega uma modelo e a retrata tal como ela é, o resultado é um horror de banalidade, de superficialidade, de estupidez – argumentou

Inclusive, o artista já até recriou obras muito famosas lhes dando volume, como foi a caso da Monalisa de Picasso.

amonalisa

Sabe o que eu acho pessoal? Botero pode até não fazer suas obras pela a nossa “causa”, mas que ela ilustra ela bem, isso ela faz! As ruas de Medellín e Cartagena que o digam! Irei passar por essas duas cidades na minha viagem de final de ano, se vocês quiserem saber que viagem é essa, é só olhar aqui.

Praia, Férias e um manequim grande. CARIBE *-*

Olá minhas belezas! Antes de começar esse post, e fazer ele cumprir o seu propósito eu quero dar UM COMUNICADO URGENTE.

“Eu estou há quase quatro meses fazendo um intercâmbio na colombia e antes disso estava trabalhando como uma louca então deixei um pouco abandonado o blog e a página no facebook.. mas a idéia é voltar com força total agora que estou estabilizada e que cheguei a conclusão que morro de saudade dos meus tempos de escritora e blogueira.. POR ISSO, se é para felicidade geral da nação e minha, diga ao povo que VOLTO.”

10473188_675103622568755_581697071029072774_n

Essa foto foi tirada na minha primeira semana na Colombia, em frente a igreja “La Ermita”, com a minha host family de uma semana. Lina e Victoria, se eu não agradeci o suficiente, agradeço mais uma vez.. MUCHAS GRACIAS POR TODO!!! ❤

Recado dado, voltemos aos propósito deste post! Bem, o mÊs de dezembro se aproxima e com ele muitas ocasioes especiais, festividades e as tão esperadas FÉRIAS! (Todos gritam uhuul! 0/) Esse ano as minhas férias terão o “Q” diferente, irei passá las no CARIBE COLOMBIANO (Porque eu sou RYYYYYYCAH!!!!) Decidi que quero dividir com vocês não só os preparativos, mas todos os planos para essa viagem/mochilão/Vida de pedinte. No próximo mês, além de postar outros assuntos típicos do blog, vocês também poderão acompanhar os preparativos, dicas e busca pelas roupas perfeitas para essa viagem ( Meninas, verão tá chegando.. vamo lá arrancar aqueles biquinis do armário). Mas antes de começar com a parte capitalista da coisa (COMPRAAAAAAAS <3), quero que vocês entendam alguns pontos

1º) Que djabos voce está fazendo na colombia? 

2º) Com que dinheiro você pensa em fazer isso, tá rica?

3º) Que tipo de viagem é essa?

4º) Para a onde e por quanto tempo eu vou ficar?

Valos lá com a nº1, vim para Colombia para trabalhar em uma fundação Brasileira chamada FUNBRACO para dar aulas de português, e estou aqui desde o dia 25 de julho de 2014 e tenho me apaixonado cada vez mais por esse país e por essas pessoas. Porém, assim como no Brasil, não dá para ficar rica com a minha linda e sacrificada profissão, então já respondendo a pergunta nº 2, EU NAO ESTOU RICA (Infelizmente), o que acontece é que a Colombia nos dá uma vantagem ENORME em relação ao Brasil, é MUITO barato para viajar dentro do país. (O mesmo não acontece com as passagens internacionais.) todas as passagens aéreas que precisei comprar eu consegui aqui. (Uma pechincha! 😀 ). Essa viagem está sendo planejada desde que eu cheguei, e a intenção é não somente conhecer, mas me presentear, e fechar com chave de ouro esta estadia na MARAVILHOSA na Colombia. (E lá se foi a nº3) E para responder a ultima pergunta, eu mostro agora para vocês o meu intinerário.

1º Parada – CARTAGENA

Cartagena1

2º Parada – TAYRONA

cabo-san-juan

3º Parada –  SANTA MARTA

santa marta

4º Parada – LA GUAJIRA

guajira2

5º Parada – BARRANQUILLA

La_escultura_de_la_cantante_colombiana_se_encuentra_en_Barranquilla_mide_poco_m_s_de_4.5_metros_est_hecha_de_hierro_fundido_8g

6º Parada – MEDELLIN

IMAGEN MEDELLIN

A viagem terá em média 20 dias, passando por todos essas cidades por meio de ônibus, avião e sabe lá DEUS o que mais precisar!

(PS: Durante este mês irei postar detalhes sobre esses lugares e os motivos pelos quais vou para os mesmos, além de comentários próprios.)

Bem, como estamos falando do CARIBE *-* (Menos Medellin), eu vou encontrar praias e mais praias, e é dessa vez que eu quero me libertar de vez das “Amarras da vergonha” pelo meu corpo e me jogar com tudo nos biquinis e roupas leves! Desde que cheguei eu perdi 9 (felizes) kg, e com isso muitas roupas minhas já nao estão muito legais de usar, e além de serem roupas para trabalho, e para o clima frio (O que foi uma burrice tremenda já que Cali faz um calor dos infernos.) Enfim, espero ter todos vocês acompanhando esse novo momento do Blog BELEZA DE PESO, e essas dicas de férias. Quem sabe até se animem a conhecer esse pais incrível, a final, é como dizem os Colombianos.. “El riesgo es que te quieras quedar”.

colombia-quedate

Putas, gordas e desesperadas. Será?

Acho que sexo sempre foi, e sempre será um tema que causa reações nas pessoas. Sendo elas positivas, negativas, engraçadas ou ” tesudas” hahaha Desde que entrei no mundo universitário o sexo sempre entra em pauta em qualquer conversa de barzinho, na casa dos amigos, e nas festas do final de semana. A casa dos “20 e poucos” grita a palavra SEXO! É a palavra de ordem! É a época de descobertas com “consentimento”. Lembro que no meu ensino médio todas as minhas amigas perderam a virgindade na mesma época, era como se o “click” de caça as “pepekas lacradas” tivesse sido apertado, e cada uma que procurasse deslacrar a sua.Imagem

Com a idade, os tabus do sexo vão se perdendo e aí que entra o sexo casual. Na vida masculina o sexo casual é visto como rotina, as vezes até obrigação. Mas para as mulheres ainda é visto de uma forma hipócrita. Sexo é bom, todo mundo faz, então qual é o problema de você sentir e proporcionar prazer, e um momento de gostosuras e sacanagens? É uma coisa a se pensar, mas eu quero entrar ainda mais a fundo nessa questão. Gordas que fazem sexo casual.

– “Ué, e tem diferença em uma mulher gorda, ou uma mulher magra que fazem sexo casual? Se existe problema em faze-lo, as duas estão erradas da mesma forma, certo?”

– ” ERRADO.”

Entendam, sou totalmente a favor das pessoas expressarem sentimentos bons, independente de como a pessoa o faça, se é através de sexo, abraços, beijos ou uma palavra de apoio. Para mim, tudo está valendo. E que se danem as convenções! Mas já vimos muitos comentários durante a vida (Maldosos diga-se de passagem.) sobre as mulheres gordas serem fáceis! ¬¬ Alguns homens de ego inflado e mulheres de ancas “finas” dizem que mulheres gordas são desesperadas e que qualquer cara que pedir para ficar com uma gorda está fazendo uma caridade. Estou generalizando, óbvio. Mas traduzindo eufemismos como “gordinhas”, “namoradeira”, que você encontra nessas frases de julgamento disfarçada de comentários inocentes, LÊ- SE: ESSA GORDA DÁ PRA CARALHO, E ALIÁS DÁ PRA QUALQUER UM.

Sabemos a dificuldade dos homens assumirem relacionamentos com mulheres acima do peso, e o que particularmente me dá até pena. (Deve ser muito dificil reprimir tanto desejo pelas nossas curvas rsrsrsrs) Se uma mulher, estando ela no padrão de beleza aceito, fizer sexo com estranhos, ou com parceiros que não não fixos já é vista como uma puta, imaginem vocês, mulheres que já são pré-jugada pelas suas medidas, e que AINDA desafiam a nossa sociedade machista que não aceita o fato de nós, mulheres, gostarmos de sexo? É bem provável que elas sejam chamadas de putas, de gordas, e ainda desesperadas. Gostaria muito de entender como o peso de uma mulher pode ser um agravante no julgamento, do “ser” puta, ou do não “ser”. Seria mais normal/aceito uma mulher gorda se ESCONDER dos prazeres da carne, e dos negões (Sou xonada por negões.) gostosões que Deus enviou para o nosso total proveito?? Será que isso incomoda tanto, que o fato de fazermos sexo com ou sem parceiros fixos se torna ofensivo aos olhos dos outros, mas ofensivo ainda do que uma mulher magra fazendo o mesmo?

– Sim.

– Não tem lógica! Eu sei.

– Não tem o porque! Eu sei.

– Eles são uns babacas! Eu sei.

Vamos voltar a parte de as mulheres gordas serem vistas como carentes, fáceis e desesperadas, beleza?

Pense na questão, uma mulher de 28 anos, solteira, acima do peso, com a grande maioria de suas amigas namorando, ou casadas (Diga-se de passagem, grande maioria magras, ou engordaram depois do casamento.) Essa mulher sai em algum determinado dia com suas poucas amigas que ainda estão solteiras, conhece um cara legal, eles ficam, rola a vontade e eles transam. No outro dia nenhum dos dois nem sequer se preocupa em manter contato, cada um para sua casa e a vida segue feliz até a próxima balada. Pode julgar, estamos aqui para analisar todos os lados da questão.

1º)Ela está errada?

2º) Ela fez isso porque está gorda, velha, encalhada, e sem opções?

3º)Ela não procurou manter contato com ele porque acha que não o agradou suficiente, e não quer passar a vergonha de ser ignorada por mais um?

Vou lhes responder pelo O MEU olhar da situação.

1º)Não, ela não está errada. As amigas é que foram bobinhas e se deixaram perder a melhor fase da vida! ( Entendam, não me vejo nem mãe, e nem casada antes dos 30.)

2º) Não, ela fez isso tudo porque segue a principal lei da vida, “SE PERMITIR” Se permitir ter bons e maus momentos, se permitir dançar conforme a dança, se permitir seguir os extintos, se permitir a chance de viver. (Entendam, cada um se permite da forma que o melhor apetece.)

3º) Não, provavelmente o cara tem pau pequeno, só dá uma e já está morto, e ainda por cima, broxa.

Eu quero que todos que leem minhas opniões sobre o tema entendam que não estou falando: SAIAM POR AÍ E DÊ PRA O PRIMEIRO NEGÃO QUE APARECER! (Já falei que adoro negões? hauhauhau) Estou falando que apoio qualquer decisão, de qualquer pessoa, referente a qualquer assunto, desde que a pessoa o faça consciente do que quer ou do que tem. Nada de tentar tapar os buracos da ‘alma”, com pintos que só vão querer tapar um exclusivo buraco seu, (ou dois.. cada qual com seu cada qual, né?) E ainda quero que entendam mais! Quero que entendam que não são as gordas que são carentes, desesperadas e blá blá..Nós somos ENTREGUES, o que é diferente! Nós somos entregues de corpo e alma as pessoas que gostamos, e somos entregues de corpo e alma ainda mais a nós mesmas, e as nossas vontades! provavelmente por já termos sido tão criticadas durante a vida, agora não ligamos mais pra qualquer outra coisa que não sejam as nossas vontades. Por isso, se ser assim, é ser uma puta gorda desesperada.. aconselho que todas sejamos.

Imagem

 

bianca

Melissa McCarthy&Zach Galifianakis = The Best couple EVER!

Todo mundo que acompanha o nosso lindo blog sabe que a Melissa McCarthy já é figurinha carimbada aqui. Simplesmente porque amamos ela! Ela é linda, engraçada, talentosa.. ( Estou quase fazendo um post “Como não amar Melissa?”) Exageros a parte, simplesmente a acho incrível. A Melissa hoje em dia está sendo considerada a nova rainha da comédia norte-americana, titulo que na minha humilde opnião é mais do que merecido, e que pude confirmar ontem. Noite passada fui com toda a família assistir “Se Beber não case III” O mais fraquinho da trilogia, se assim me permitem dizer, mas ainda assim bem legal!(Recomendo, não deixem de conferir.) 

Imagem

Bem, por ironia do destino ou não, ontem antes das luzes se apagarem, e todos se sentarem em suas confusamente marcadas cadeiras, eu estava justamente falando sobre ela ao meu pai, sem nem saber que a mesma fazia parte do filme! ( Não se preocupem, que aqui não vai rolar spoiler!) 

A Melissa faz uma participação pequena no filme, considerando o destaque que ela tem em outros filmes mesmo sem ser a protagonista. Mas a cena em que ela aparece, posso dizer que é uma das melhores. A junção de Melissa McCarthy com Zach Galifianakis é explosiva! Quem é o Zach? É O ALLAN, o gordinho mais querido de todos os tempos da comédia! *-* (Pensando em fazer outro post “Como não amar o Allan?”)

Imagem

 

Posso dar só um “spoilerzinho” ? Haaa, o blog é meu e eu posso sim! 😛

O Alan finalmente encontra sua alma gêmea!  *-*

E tinha que ser logo a ilustríssima Melissa! A cena do encontro desses dois é épica, na verdade uma das melhores do filme.

d8z492ermhp20qtfmdhjnu5kg

Eu não sei vocês mas quando eu penso na Melissa eu lembro na hora da série “Mike&Molly” Outro casal de gordinhos protagonizado pela Melissa que era muuuuuito fofo, vamo combinar?!

ImagemMas, falando sério. O alan, É O ALAN! Amei a junção desses dois. Espero ver mais trabalhos com essa dupla!

Que mundo estamos contruindo?

Olá minha belezuras! Esse final de semana prolongado que tivemos (POR CONTA DO FERIADO NA QUINTA.) Fez com que passasse mais tempo com minha família, inclusive com meus primos pequenos. É sempre bom estar perto de crianças, é um momento mais leve, mais “puro”, mais ingênuo, não é verdade? Afinal todos nós sabemos que crianças são muito sinceras, até quando não deveriam ser tanto… É sempre bom conversar com uma criança, você acaba abrindo a cabeça para os assuntos. Com essa minha filosofia de que as crianças são ótimos formadores de opnião, lá estava eu em pleno sábado a tarde conversando com meu priminho Leandro.

ImagemEsta pessoinha aí em cima.

Bem, estava olhando algumas fotos que já utilizamos tanto aqui, quanto na página do facebook. Eram mulheres acima do peso mas que eram extremamente lindas, rostos maravilhosos, peles maravilhosas, enfim. Eram lindas, porém gordas. Leandro curioso, como toda criança é, me veio perguntar o que eu estava olhando e eu prontamente respondi.

– Estou olhando fotos de mulheres bonitas, elas não são bonitas?

Ele que sempre responde tudo na lata, se calou. Insisti, e perguntei novamente. Ele meio sem saber como explicar começou a usar as mãos para mostrar o que estava errado na minha avaliação com relação a beleza daquelas mulheres. Ele colocava as mão como concha sobre as bochechas e dizia:

– É que elas são meio, assim…

E colocava as mãos novamente sobre as bochechas e fazia bico, querendo mostrar que elas eram “cheias” como ele mesmo depois falou.

Eu comecei a conversar com ele e perguntei o porque delas serem feias, perguntei se ele achava que só por alguém ser gordo essa pessoa já se tornava automaticamente feia. Depois de um tempo ele começou a mudar o que estava dizendo, talvez porque quando mostrei as fotos pedi pra ele examinar o rosto daquelas mulheres, pedi para que ele visse o olhar de confiança delas, e que ele me dissesse se ainda continuava as achando feias. Ou talvez, ele tenha começado a mudar seu discurso simplesmente porque ele é “Maria vai com as outras”. Depois que ele foi embora lá de casa comecei a analisar aquilo que se passara. Fiquei pensando em quando eu era criança, já que sempre fui uma pessoa gorda. Fui uma bebe, criança, adolescente e hoje sou uma adulta gorda. E sempre convivi com opiniões como essa de Leandro nos meus coleguinhas de classe, que justamente como a dele, foram disseminadas ainda quando criança. Tá certo que na minha época de escola ainda pouco se falava sobre o bullying, e em como apelidos, estereótipos, podem prejudicar a formação de uma criança. Mas nos dias atuais o que mais se fala é sobre isso. Eu como educadora, estudante de licenciatura vejo todos os dias crianças que vivem com essa violência, seja na escola ou nas próprias casas. Com mães que educam os filhos dizendo:

– Vamos comer verdura filha, você não quer ficar gorda e feia, né?

Fiquei preocupada com o garoto, e o homem que Leandro vai ser. E de todas as crianças que tem as mesmas ideias que Leandro. É obvio que esse tipo de ideologia de beleza não está inerente a ele e nem a nenhuma outra criança. É a sociedade em que vivemos que constrói mentes limitadas, e preconceituosas. Essas mentes infelizmente são construidas desde as primeiras palavras.

Vocês já assistiram “A pequena Miss Sunshine” ? Se não assistiram, assistam e de preferência assistam com seus filhos e filhas pequenos.

pequena-miss

Sabe de uma coisa? Eu quero uma sociedade onde o peso de uma pessoa não interfira em sua beleza e em seu caráter. Eu quero uma sociedade onde as crianças possam aprender desde cedo, que as diferenças são legais! Eu quero uma sociedade em que a escola e a família caminhem lado a lado na construção da índole de uma criança. Vamos pensar direitinho no que estamos fazendo para que a nossa triste realidade, um dia se torne essa sociedade que tanto queremos.